Análise de dados: 5 passos para uma melhor tomada de decisão

O desenvolvimento da tecnologia permitiu que os gestores passassem a ter uma visão mais ampla dos negócios e como a empresa pode obter resultados mais promissores. A criação de ferramentas e técnicas de análise de dados é, sem sombra de dúvidas, um grande influenciador para a tomada de decisões mais assertivas. 

Ainda que com uma extensa gama de ferramentas e técnicas de fácil acesso, é de extrema importância saber interpretar os dados coletados para a tomada de decisão. Vamos explicar nesse post os cinco passos para usar a análise de dados a seu favor e te ajudar a ter uma melhor tomada de decisão. Continue lendo!

1. Defina metas e objetivos estratégicos

O primeiro passo, antes de realizar quaisquer investimentos financeiros seja pela aquisição de softwares, contratação de mão de obra ou definição de métricas de desempenho é estabelecer quais serão as metas e os objetivos estratégicos da empresa.

Para isso, é importante conhecer o seu negócio, conhecer a sua capacidade de produção e definir qual o seu primeiro ponto de chegada. O ponto de chegada pode ser representado por parcela de mercado, objetivos financeiros, capacidade de produção ou diversos outros objetivos relacionados ao desenvolvimento da empresa, lembrando que esses objetivos devem ser palpáveis e realistas. 

2. Identifique e gerencie as suas fontes de informação

Muito provavelmente você deve receber dados vindos de diversas fontes diferentes e que podem ser úteis para departamentos distintos da sua empresa, como custos de produção, alcance de campanhas de marketing, sua parcela de mercado, dados de logística e até mesmo gastos básicos de funcionamento. 

Identificar as fontes desses dados e ter uma boa gestão deles, direcionando-os para os setores competentes já é um passo importante para otimizar o seu processo de tomada de decisão e auxiliar a empresa a alcançar seus objetivos. 

3. Invista em ferramentas e mão de obra

Agora que você já conseguiu identificar a fonte dos dados que você recebe e direcionar para onde eles devem ser encaminhados, é hora de investir em ferramentas e mão de obra que possam analisar esses dados e torná-los compreensíveis como um todo. 

Existem diversos softwares de gestão que coletam esses dados e fazem análises meticulosas de como está o funcionamento da sua empresa, apontando para detalhes que vão te levar para uma análise mais crítica e clara dos negócios. 

É importante estabelecer métricas para avaliar o andamento do planejamento feito e permitir que os gestores tenham mais clareza das informações coletadas e de mudanças que venham a ser necessárias ao longo do caminho.

Os profissionais são capazes de analisar esses dados de forma mais centrada para ajudar a interpretar as informações de uma forma mais clara e auxiliar em uma tomada de decisão que ajude a empresa a seguir de acordo com a estratégia e os objetivos estabelecidos. 

4. É a hora de tomar decisões

Após uma profunda análise de dados, investimentos em tecnologia e mão de obra capacitada, chegou a hora de tomar decisões e seguir em frente com a estratégia da empresa. 

É importante que tanto os gestores, diretores e colaboradores estejam a par das mudanças que estão sendo feitas para garantir mais transparência no processo e permitir que críticas e sugestões sejam feitas. Uma boa análise de dados garante uma tomada de decisões mais assertiva e os gestores devem se ater ao planejamento estratégico para que os resultados apareçam mais visivelmente. 

5. Acompanhe indicadores e esteja pronto para mudanças

Embora um planejamento estratégico seja de grande ajuda para que a empresa alcance os seus objetivos, fatores tanto externos quanto internos podem ocorrer e os gestores devem estar preparados para lidar com esse tipo de situação. 

É importante estar atento às métricas estabelecidas durante o planejamento para se ater aos objetivos e estar apto à mudanças de forma mais fluida e positiva. As análises de avaliações devem ser feitas constantemente para assegurar que a estratégia está sendo seguida e, se necessário, realizar mudanças assertivas para tomar novas direções ou retomar o plano inicial. 

O uso de ferramentas tecnológicas e técnicas de análise de dados tornou o processo de desenvolvimento das empresas mais claro e objetivo, permitindo que os responsáveis pela tomada de decisões possam analisar previamente tudo aquilo que faz parte do dia a dia da empresa e como uma visão mais ampla pode auxiliar no crescimento e no direcionamento dos negócios. 

Gostou do nosso post? Se inscreva na nossa newsletter para receber mais matérias sobre tecnologia, inovação e negócios!