4 riscos cibernéticos para sua empresa ficar de olho

A segurança da informação nunca foi tão importante. Segundo dados da Fortinet, o Brasil sofreu 15 milhões de tentativas de ataque em apenas três meses. Proteger sua empresa contra a atividade de agentes maliciosos, portanto, é fundamental.

Contudo, com tantos avanços na tecnologia, muitas vezes é difícil entender quais são as principais tendências e como se proteger. Separamos quatro pontos de destaque para você ficar de olho nos possíveis perigos cibernéticos para 2020. Acompanhe:

1. Inteligência Artificial e Fake News

As Fake News tomaram espaço nas mídias nos últimos meses, tornando o assunto cada vez mais polêmico e polarizador. A tecnologia foi a ferramenta da vez com grande representatividade na disseminação das fake news por todo o mundo. 

Com a utilização de inteligência artificial e softwares, diversas notícias falsas foram divulgadas em canais de comunicação e aplicativos de mensagem, de acordo com a programação da pessoa responsável. 

Depois de algum tempo, a robotização e automação já passou a adotar comportamentos padronizados e a replicar os trabalho sem a necessidade de um autor específico. Tal combinação foi abordada no relatório Tendências 2020 na área de segurança cibernética. 

Há também uma abordagem do uso de Inteligência artificial em Malwares, tornando cada vez mais difícil para as vítimas identificarem a presença do vírus em seus dispositivos e tornando ainda maior o vazamento e roubo de informações. 

2. Segurança em nuvem

Outro tema bastante discutido no mundo da tecnologia é o armazenamento em nuvem e a segurança das informações. Nos últimos anos, diversos casos de vazamento de dados foram deflagrados, colocando em cheque a credibilidade até mesmo das gigantes da tecnologia, como Google e Microsoft. 

Algumas técnicas antigas de golpe na internet, como o phishing, ainda são bastante frequentes e eficazes contra usuários menos experientes. Trata-se de um e-mail falso com links maliciosos ou anexos que possam conter malwares, que permitam aos invasores obter dados importantes e sigilosos de suas vítimas. 

Embora as empresas venham aprimorando a cada dia seus métodos de proteção, ainda é necessário uma maior educação aos usuários, com utilização de autenticação dupla para acesso e outras ferramentas que possam reduzir as chances dos invasores. 

3. Desenvolvimento em computação quântica

Embora o termo nos remeta à tecnologia futurística do cinema, ele já está presente entre nós e seu desenvolvimento deve fazer parte do nosso dia a dia muito em breve. A computação quântica consiste em uma ampliação na quantidade de processamento que um computador consegue atingir, aumentando consideravelmente a velocidade em que as tarefas são realizadas e as soluções são apresentadas. 

Com a tecnologia implantada de forma concreta, diversas infraestruturas e sistemas se tornarão inutilizados e profissionais que não forem capazes de trabalhar com tal nível de conhecimento ficarão defasados no mercado. 

A tecnologia ainda pode demorar alguns anos para se tornar realmente frequente e utilizada por usuários simples, mas a tendência já é real e pode ser um risco para os profissionais e um grande custo para as empresas que tiverem de se atualizar fisicamente. 

4. Tecnologia 5G

A implantação da rede 5G de telecomunicações é assunto recorrente em várias feiras de tecnologias e relatórios de tendências. Diversas operadoras prometem o lançamento, com uma rede com interferência mínima, altíssima velocidade e preços mais acessíveis que as redes antigas. 

O desafio em lançar a famosa 5G no mercado é justamente a implantação de infraestrutura, com cobertura suficiente para os usuário e com um custo benefício que atenda tanto o cliente final quando a própria provedora. 

A facilidade que os avanços tecnológicos proporcionam aos usuários é inegável, aproximando as pessoas e possibilitando interações cada vez mais frequentes. É preciso, no entanto, estar atento às preocupações que vão surgindo junto a esses avanços e às atitudes de prevenção e segurança que devem ser tomadas para evitar problemas e dificuldades. 

Gostou da nossa matéria? Clique aqui e conheça a diferença entre nuvem pública e privada!